É possível fazer um casamento econômico?

4 agosto , 2014

Olá! Trago no blog hoje algumas dicas para fazer um casamento econômico. Como os noivos sofrem com essa situação quando decidem casar. Todos querem dar uma festa e fazer algo legal mais a maioria nem se quer tem noção de quanto gastar. O mais importante antes de tudo é saber o quanto “podem” gastar.
Querer gastar pouco no casamento é quase como perguntar se você quer ganhar na mega-sena. Obviamente todo mundo vai dizer que sim.
O problema é que hoje, esse mercado está tão em alta, que muitas vezes as possibilidades que ele oferece acabam tirando os noivos do foco inicial, desandando todo o planejamento orçamentário. É por isso que você deve ter ouvido falar a famosa frase: “Casar custa caro!” e muito caro!
Confira algumas dicas de como você pode fazer render o seu dinheiro, sem deixar de fazer um casamento inesquecível.
Cuidado com a Lista de convidados!
Quando começa essa parte é realmente um stress total por parte dos noivos.
Portanto evite stress. Seja rigoroso ao fazer a lista de convidados.
Uma das coisas que mais desanima os noivos na hora de começar a planejar o casamento é uma lista de convidados enorme.
Se este é o seu caso e sua verba não permite um casamento com tantos convidados, reveja com seu noivo se não seria o caso de fazer um mini wedding somente para os pais, irmãos, avós, tios e amigos bem próximos. O “próximo” que me refiro é o mais próximo mesmo, são aqueles familiares e amigos que você vê sempre, frequenta a casa, participa dos almoços de domingo, aniversários e datas comemorativas. Aquelas pessoas que você não se imagina viver sem, sabe como?
Outra forma de reduzir a lista de convidados é fazê-la, lembrando de todos, e em seguida eliminar as pessoas que você nunca foi visitar em casa (ou que nunca foram na sua casa), que você não fala a mais de um ano, por exemplo.
Pense se vale a pena convidar os amigos do trabalho. Muitas vezes eles são apenas convidados do momento, que você nunca mais verá se sair da empresa.
Uma dica também é usar o bom senso!
Não queira retribuir todos os convites que você já recebeu até hoje. Isso na maioria das vezes não da certo. Por questão financeira mesmo. Não é porque o “Fulano” que tem condições para dar uma festa pra “Mil” convidados que você também tem que ser assim, ou ter que retribuir o convite.
Pesquise! Faça vários orçamentos, pesquise vários fornecedores e escolha o que mais for viável para o seu bolso.
Atualmente existe muitas opções de empresas prestadoras de serviços para casamentos, e muitas se aproveitam da sua força de marca para cobrar mais caro. É sério! Vale a pena ficar atento a isso.
Faça uma pesquisa de mercado antes de escolher qualquer fornecedor.
Existem vários profissionais no mercado que são ótimos e que estão no anonimato. Isso é fato.
Antes de se deslumbrar com as maravilhas apresentadas pelas empresas, tenha o pé no chão. Faça pesquisa, peça orçamento em pelo menos três lugares, busque referências, indicações e depoimentos e tudo que puder para extrair o melhor custo benefício possível do serviço.
Não se deslumbre com o casamento da amiga, ou do seu vizinho.
cada casamento é único e cada um tem um orçamento disponível.
É bom lembrar que o importante nem sempre é o que se gasta. E sim a forma correta de como empregar o seu dinheiro e como distribuir melhor a forma de gastar.
Priorize o que é essencial no seu casamento.
É possível sim fazer uma festa ótima de bom gosto e com um custo baixo acessível ao seu bolso.
Mais para isso comece com a escolha certa. Escolha uma Boa Assessoria, evite stress, garanta o resultado da sua festa. Escolha o profissional que assine o resultado da sua festa. Pense nisso!
Boa Festa!
O Sucesso para o seu evento começa com a escolha certa.
Helayne Marcuz  Assessoria em Eventos
Realizando Sonhos…

Posts relacionados:

Casamento Daiane e Marcos 15/03/2014
Casamento Maria Angélica e Deividy 31/05/2014
Tendências para Casamentos 2015
Pré Wedding Karina e Adilson


0
Deixe seu comentário

###